X

Informações Gerais sobre Madrid, Espanha

Requisitos de vistos
Os cidadãos da Austrália, Canadá, Japão, Nova Zelândia e Estados Unidos podem permanecer no país durante um período até noventa dias só com um passaporte válido e sem visto, tal como os residentes dos países da UE. Se pretende ficar mais de noventa dias, terá de obter um visto antes de iniciar a viagem. Os cidadãos da África do Sul, entre outros, precisam de um visto para entrar em Espanha, o qual poderá ser obtido através da embaixada espanhola no respectivo país.

Se tiver alguma dúvida sobre a necessidade de visto para entrar em Espanha, também deverá contactar a embaixada espanhola no seu país de origem.

Moeda
A moeda utilizada em Espanha é o Euro que equivale a 100 cêntimos. As notas apresentam os valores nominais de 100 €, 50 €, 20 €, 10 € e 5 € e as moedas utilizadas são de 2 €, 1 €, 0,50 c, 0,20 c, 0,10 c, 0,05 c, 0,02 c e 0,01 c.

Idioma
O idioma oficial de Espanha é o castelhano (espanhol), mas muitos outros idiomas e dialectos são utilizados no país. Os três mais importantes são o basco, o galego e o catalão.

Clima
Enquanto cidade do interior e devido à sua altitude, o clima em Madrid é muito mais extremo do que o de outras cidades do país. É quente no Verão, com temperaturas até 32 graus Celsius, e frio no Inverno, quando as temperaturas descem até aos 10 graus Celsius negativos. Durante os meses de Primavera e Outono, o clima é ameno e agradável, com temperaturas à volta dos 15 graus Celsius. Em média, Madrid goza de 125 dias de sol por ano. Por norma, a melhor altura para viajar até Madrid é entre Abril e Outubro, embora em Julho e Agosto possa fazer muito calor.

Cuidados médicos
Os visitantes oriundos dos países da UE têm direito a tratamento médico desde que se façam acompanhar do Cartão Europeu de Seguro de Doença. Este cartão substitui o antigo modelo E111 solicitado nos serviços locais da segurança socia. Este formulário também pode ser obtido nos correios. Em caso de problemas de saúde de menor gravidade, dirija-se a uma farmácia, onde o farmacêutico formado deverá ser capaz de o ajudar.

Os nativos de estados não membros da UE terão de suportar os custos de qualquer tratamento médico necessário.

É recomendável adquirir um seguro de viagem com antecedência. Agora, é possível comprar seguros de viagem em Youthhostelmadrid.com.


Fuso horário
Espanha tem mais uma hora do que o fuso GMT entre o último domingo de Setembro até ao último domingo de Março. Durante o resto de ano, tem mais duas horas.

Horário de abertura
Normalmente, as lojas espanholas estão abertas entre as 09:00 e as 14:00, e novamente entre as 16:30 e as 19:30, de 2ª-feira a sábado. Deverá ter em atenção que nas cidades e vilas mais pequenas as lojas apenas estão abertas até as 14:00 ao sábado; no entanto, nas cidades maiores, como Madrid, este não é o caso. Para além disso, muitas lojas turísticas também estão abertas ao domingo. As empresas têm o mesmo horário de funcionamento, mas fecham ao sábado.

Postos de turismo
O principal posto de turismo de Madrid situa-se na Calle del Duque de Medinaceli 2 e está aberto entre as 09:00 e 19:00 2ª a 6ª-feira, e entre as 09:00 e 13:00, ao sábado. Existe outro posto de turismo no aeroporto de Barajas, aberto entre as 08:00 e 20:00, de 2ª a 6ª-feira, e entre as 08:00 e 13:00 ao sábado, e ainda outro na estação de comboio de Chamartin com o mesmo horário de abertura. Por fim, a Oficina de Turismo está localizada no Centro Comercial de la Puerta de Toledo, funcionando entre as 09:00 e 19:00, de 2ª a 6ª-feira, e entre as 09:30 e 13:30, ao sábado.

Imposto
Em Espanha, o imposto sobre o valor acrescentado (IVA) é calculado a uma taxa entre 7% e 16%. Normalmente, este imposto já está incluído no preço dos produtos; no entanto, é melhor confirmar o preço final antes de efectuar qualquer compra para evitar qualquer tipo de confusão na altura do pagamento. Relativamente ao alojamento e restauração, a taxa de IVA é de 7%, enquanto para produtos de revenda, bebidas alcoólicas e aparelhos eléctricos a taxa de IVA é de 16%. No entanto, os residentes de países não membros da UE têm a vantagem de poderem reaver o imposto pago por qualquer item de valor superior a 15,000. Para poder beneficiar deste incentivo, terá de adquirir uma declaração na loja onde efectuou a compra. Quando sair do país, apresente o item comprado e a declaração da loja na alfândega para serem carimbados e obter o seu reembolso em qualquer uma das cabinas com o logótipo Tax-Free ou o símbolo Cash Refund. Isto apenas é válido se sair do país no período de três meses.

Câmbio de moeda
Os travellers cheque (cheques de viagem) são habitualmente bem aceites, mas alguns sítios poderão recusá-los, nomeadamente nas partes mais remotas do país. Assim, é recomendável efectuar o câmbio para euros logo que chegue ao país. Normalmente, os bancos são a entidade mais fidedigna para todos os actos de câmbio de moeda, oferecendo as melhores taxas. Também existem agências de câmbio nos principais aeroportos e estações de comboio, cujos horários de abertura são mais convenientes, mas as comissões são mais elevadas.

Electricidade
A corrente eléctrica em Espanha é de 220 volts CA, 50 Hz.

Telefones
O indicativo de Espanha é 34, ou seja, se estiver a ligar do exterior, terá de marcar 00 seguido de 34, do indicativo local 91 e do número local. O mesmo é válido para as chamadas internacionais efectuadas a partir do país. Terá de ter em atenção que, neste caso, o 0 do indicativo local deverá ser omitido.

Correios
A principal estação de correios da cidade situa-se no Palacio de Comunicaciones, na Plaza de Cibeles, e está aberto entre as 08:00 e as 21:30, de 2ª a 6ª-feira, e entre as 08:30 e as 14:00, ao sábado.

Gorjetas
Dado que a taxa de serviço, normalmente, já está incluída na maioria das facturas, não se torna obrigatório deixar uma gorjeta. No entanto, se o serviço prestado for especialmente agradável, é comum deixar um pequeno montante adicional. Em relação aos taxistas, é habitual arredondar o preço para cima para incluir 10% do preço de transporte.

Feriados
Recomendamos que se informe sobre os feriados antes de viajar, pois a maioria das empresas, bancos e lojas encerram as suas portas. Em Espanha, os feriados públicos são 1 e 6 de Janeiro, Sexta-feira Santa, 1 de Maio, 15 de Agosto, 12 de Outubro, 1 de Novembro, e 6, 8 e 25 de Dezembro. Também será uma boa ideia informar-se sobre o destino em questão, porque algumas vilas e cidades também fecham durante eventos especiais.